terça-feira, 29 de janeiro de 2013



Um homem qualquer entrar num supermercado, faminto e sem dinheiro ele vê uma goiabada em uma das prateleiras, certificando-se que ninguém o vigiava, o homem furta aquela goiabada. Mas antes de coloca-la dentro da bolsa, ele vê uma câmera mirada pra ele com uma plaquinha escrita: ""sorria" você está sendo filmado". Rapidamente o homem devolve a goiabada para a prateleira e vai embora.  
Fica bem claro que o homem não devolveu a goiabada porque sua moral é reta,e sim porque estava sendo vigiado.
A conduta e a vida cristã de muitas pessoas são assim. Vivem corretamente não porque possuem uma moral reta, mas sim porque Deus está lhes "vigiando", não deixam de pecar por que acham moralmente errado, mas sim porque acham que irão perder a "salvação". Acham que o evangelho é o que fazem para gerar uma reação de bondade da parte de Deus, e não o que fazemos por gratidão a ação de Cristo que já foi feita na Cruz. 

Para o evangelho da gratidão e da graça, são poucos, mas são suficientes! Não é preciso que sejam muitos, mas que apenas sejam. Não se medem pelo que fazem, mas pelo que são. Na ótica do evangelho não é crescido e sim reunido, se reuni para que Deus esteja, se diminui para que Ele apareça, porque crescer é diminuir e perder é ganhar! Tenhamos em mente que o evangelho é de nós para com o próximo, agimos por que um dia já recebemos a vida de Cristo, e não agimos porque Ele tem algo a nos dar ou nos tirar. 


Um comentário:

diogo garreto disse...

olá meu nome é diogo e queria que voçê me segui-se no meu blog e seja tambem meu parceiro
http://eu-creio-em-deus.blogspot.com.br/

Postar um comentário